www.aeel.org.br home | fale conosco
 

Estatuto
Ficha de Inscrição
Informes AEEL
Informes Unergia
Acordos
Normas Eletrobras ACT
Você!
Saúde e Vida
Eventos
Galeria de Imagens
Jogos
Notícias
Processos Judiciais
Sistema Eletrobrás
Eletros
Link's Úteis
Balanço
Fale com a Aeel
Como Votar?
Eleições 2017


 

ÁREA RESTRITA

Para ter acesso ao sistema preencha os campos baixo:





 

 

Esqueci a senha

 


  Notícias
  O diretor Financeiro e de Relações com Investidores da Eletrobras, Armando Casado, também contou que a empresa não pretende acessar o mercado financeiro este ano para cumprir seu programa de investimentos. "A Eletrobras não vai a mercado este ano". O orçamento aprovado para a estatal este ano é de R$ 13,2 bi. Segundo o diretor, porém, historicamente, a companhia cumpre entre 70% e 80% do total previsto no orçamento. Ele disse que a proposta de capitalização das distribuidoras da estatal, com recursos da União para futura venda dos ativos, está mantida. E falou que desconhece a informação de que o MME teria cortado o valor dos investimentos e que o aporte previsto continua em torno de R$ 7 bi. Ontem, em Brasília, o ministro Eduardo Braga voltou a se reunir com o ministro da Fazenda, Nelson Barbosa, para discutir como realizar a capitalização. O aporte, explicou, virá do dinheiro do leilão de usinas antigas, em novembro. Foram arrecadados, à vista, R$ 11 bi. O restante (R$ 6 bilhões) será pago até o início de julho. O ministro disse ainda que vai propor dois mecanismos possíveis para os aportes na Eletrobras. "Um é através de capitalização, a antecipação de formação de capital. E outra via CDE para amortização de dívida das distribuidoras com a Petrobras". 
  Data de Publicação: 06/04/2016
 
 

Associação dos Empregados da Eletrobras - Telefone /fax: (21) 3553-3501 / (21) 3553-3502
Copyright 2018 - Todos os direitos reservados a AEEL

Desenvolvido por AMANDY SOFTWARE